Quinta Ponte da Capinha

Proporcionar um regresso às origens e reavivar memórias das férias passadas no campo, em casa dos avós – que fazem parte do imaginário de todos nós – é a proposta que a Quinta Ponte da Capinha faz aos seus hóspedes.

Localizada na Capinha, freguesia do Fundão, esta unidade de agroturismo faz da autenticidade e do ambiente familiar a sua imagem de marca. Foi com base nestas premissas que Júlia Fernandes, proprietária da Quinta decidiu, em 2015, mudar-se com os seus pais para a casa que pertencia aos seus bisavós e dar-lhe uma nova vida, preservando a história e as tradições desse lugar.

Rodeada de 16 hectares de milheiral e árvores de fruto, a Quinta Ponte da Capinha é um verdadeiro refúgio para fugir à rotina e relaxar envolto na natureza silenciosa do interior. Aqui, os hóspedes são recebidos, de forma acolhedora e descontraída, por Júlia e pelos seus pais, e convidados a sentirem-se em casa. A recebê-los está também a “mascote” da quinta – a cadela Mel -, já que este agroturismo se apresenta como um espaço pet friendly, que aceita e dá as boas-vindas a todos os animais de estimação.

A propriedade é composta por seis quartos, amplos e totalmente equipados, cada um deles batizado com um nome sugestivo que remete para a paisagem da quinta e da região: o quarto da Ponte, o quarto da Água, o quarto do Pessegueiro e o quarto da Cerejeira (quartos de casal) e ainda o quarto do Milho (um quarto twin) e o quarto da Oliveira (quarto single).

Os quartos de casal custam 69€ por noite e os quartos de solteiro 65€ por noite. Se trouxer o seu animal de estimação paga um extra de 10€ por noite. Pode reservar um quarto diretamente no site, ou por email (julia@quintapontedacapinha.com).

Os hóspedes podem escolher pernoitar com vista para o extenso milheiral ou para a piscina de água salgada. Juntando tradição, estilo e conforto, o ambiente destas divisões e de todas as áreas comuns da casa é marcado pelo seu caráter genuíno. A decoração está cheia de histórias e pormenores, reunindo vários móveis e peças que Júlia recuperou de casa dos avós e que aqui ganham uma nova vida.

Todas as estadias incluem pequeno-almoço, servido, sem restrições de horário, na sala que outrora albergou a vacaria da Quinta. Esta refeição inclui uma seleção de produtos regionais, ovos de galinhas caseiras e, sempre que possível, o famoso sumo de pêssego, feito a partir da fruta colhida nos campos da propriedade. Vários frutos e legumes frescos, produzidos neste agroturismo ou em quintas vizinhas, assim como água da nascente que brota nesses terrenos, estão sempre à disposição dos hóspedes de forma gratuita.

A preocupação com a sustentabilidade é uma das prioridades da Quinta Ponte da Capinha que está, neste momento, a preparar-se para receber a certificação Biosphere Portugal. Esta certificação vem reconhecer o compromisso do projeto em adotar boas práticas de sustentabilidade para um turismo mais responsável, em termos ambientais, económicos e sociais.

O que pode fazer na Quinta Ponta da Capinha?

Ocupar os dias passados na Quinta Ponte da Capinha é uma tarefa fácil. Para quem vem à procura de recarregar baterias, passear pela propriedade e relaxar ao som dos pássaros, ler tranquilamente um livro da biblioteca num dos muitos recantos em contacto com a natureza, jogar dominó ou outros jogos tradicionais, ter serões passados à lareira ou simplesmente observar o céu estrelado, são apenas algumas das sugestões.

Os hóspedes que quiserem um pouco mais de movimento podem participar em algumas das atividades da Quinta, fazer passeios de bicicleta ou caminhadas noturnas pelas redondezas, visitar as várias aldeias históricas a cerca de vinte minutos ou fazer um percurso pelas serras da Estrela e da Gardunha. No verão torna-se convidativa a piscina de água salgada ou uma ida às praias fluviais da região.

Piscina de água salgada
Artigo anteriorHotéis do Grupo Solverde recebem todos os membros da família, incluindo os seus animais
Próximo artigoO Ristorante La Squadra realiza jantares eno-gastronómicos, com direito a vinho italiano

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui