O restaurante Bono-Lisboa entra no verão com muitas novidades para os seus clientes; novos pratos e bebidas no menu da casa. O sócio e chef Robson Oliveira acrescentou mais vegetais às suas criações, oferecendo uma deliciosa opção para quem prefere não comer carne.

”Cada estação tem seu charme e é bom manter a comida em sintonia com o ritmo da natureza. Comer frutas e legumes da época não só permite que você beneficie de alimentos mais frescos e nutritivos, mas também promove a produção local e protege o meio ambiente, já que esses produtos não precisam percorrer longas distâncias para chegar à sua mesa”, explica o chef Robson. “Queremos levar os vegetais ao mesmo nível da carne. Mas, mesmo assim, continuaremos a servir carne”, acrescenta.

O chef desenvolveu novos aperitivos como a pasta de beringela servida com queijo feta e pão na brasa (6,5€); beringela com cebola, tomate, queijo feta, hortelã, cardamomo e cominho; e croqueta de pernil de porco com pickles de abacaxi e aioli (€5) .

“A beringela é uma das marcas da dieta mediterrânea e uma de nossas apostas. Fazemos um creme temperado com especiarias”, explica o chef. Os novos pratos incluem bochechas de porco (€18,50), cujo processo de cozedura dura 10 horas com molho de ostra, puré de cenoura e legumes grelhados na brasa.

“Faltou um porco na carta. Temos uma dieta mediterrânea, e a versão portuguesa tem porco. Escolhemos o porco branco porque é macio e menos gorduroso, por isso é mais gostoso”, destaca Robson. Além da opção de beringela, os vegetarianos também podem desfrutar de legumes assados ​​com húmus (€16); e couve-flor defumada salteada com cogumelos e molho de laranja (€14).

“É na Josper que a couve-flor ganha o gosto de churrasco, é todo um conjunto para que o prato tenha um sabor especial. Não somos um restaurante apenas baseados em plantas, mas temos como missão elevar os legumes, vegetais e fruta para os nossos clientes de maneira saborosa. A nossa filosofia é confecionar refeições que contenham ingredientes frescos, ou seja, mais vegetais e alimentos minimamente processados”, destaca.

Artigo anteriorA nova carta do XXL by Olivier tem pratos leves e frescos que complementam os dias de verão
Próximo artigoCartuxa de Évora disponibiliza visitas guiadas em julho

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui