© Nan Zhong 

A verão está a chegar ao fim, assim como o clima agradável e as flores, para dar lugar a um ambiente um pouco mais frio e uma vegetação mais alaranjada. No entanto, o outono também tem as suas particularidades e belezas. A pensar nisso, o site Lonely Planet selecionou alguns dos lugares mais bonitos para testemunhá-las em todo o mundo.

Nara, Japão

Os edifícios históricos de Nara © John Su 

No Japão o outono é tão impressionante quanto a temporada das cerejeiras na primavera. O fenómeno conhecido como Kouyou, que é quando as folhas começam a mudar de cor e a cair, pode ser visto em todo o país, com o início na ilha de Hokkaidō ao norte, chegando até o sul a partir do final de setembro. Uma curta viagem de comboio de quioto à  antiga capital de Nara é um maravilhoso miradouro. O vasto parque está repleto de cores, com folhas vermelhas, douradas e amarelas ao longo dos caminhos até o santuário Tamukeyama.

Floresta de Dean, Inglaterra

A Floresta de Dean, fronteira da Inglaterra com o País de Gales © golfer2015 

Esta antiga floresta em Gloucestershire é o local perfeito para observar as folhas. A mistura de carvalho, faia e castanea sativa mostra cores exuberantes de amarelo e dourado. A Floresta de Dean pode ser facilmente percorrida a pé ou de bicicleta pelos visitantes.

New Hampshire, EUA

New Hampshire © Claire Gentile

A White Mountains em New Hampshire, nos Estados Unidos, é um dos melhores lugares para ver o outono mais colorido. Nas colinas, no início de outubro, indo até a Silver Cascade Falls, em Carroll County, é possível ver as árvores brilharem num tom bordeaux ao lado da cascata de 76 metros. 

Vale do Loire, França

Os vinhedos do Vale do Loire, na França © Bertin_Poiree 

No Vale do Loire, os vinhedos aparecem radiantes com a troca das folhas de tons verdes dos meses mais quentes pelos amarelos, castanhos e laranjas do outono. Nesta época das vindimas é possível ver as uvas a serem colhidas nos campos.

Huangshan, China

Huangshan, ou Montanha Amarela, é considerado o melhor lugar na China para ver o outono no seu melhor. Os picos gloriosos da cordilheira são cobertos por árvores que ficam com tons de vermelho ao longo do mês de outubro, o que leva multidões vindas de Pequim e Xangai para tirar fotografias. 

Califórnia, EUA

Bishop Creek Canyon, Califórnia, EUA © Ron e Patty Thomas

As florestas do interior da Califórnia oferecem uma ótima paisagem com os vermelhos e amarelos do outono. O Bishop Creek Canyon, nas montanhas de Sierra Nevada, é um dos inúmeros pontos de observação neste local. As folhas douradas com as colinas rochosas formam um cenário de fundo incrível.

Pitlochry, Escócia

Escócia © David Henderson

As florestas de pinheiros da Escócia oferecem um dos mais belos tons de outono da Europa. O rio Tummel e o Lago Faskally têm uma visão incrível das árvores à beira-mar à medida que vão perdendo as suas folhas. Durante todo o mês de outubro, Pitlochry faz um evento noturno, a Floresta Encantada, em que é possível ver as árvores da floresta iluminadas ao som de música nos arredores da cidade.

Lombardia, Itália

Giorgio, no norte da Itália © Francesco Bergamaschi

A Lombardia, no norte da Itália, é um lugar ideal para ver o continente europeu explodir em cores ainda num clima mais ameno. Os choupos, árvore nativa da Lombardia, ficam amarelos antes das folhas caírem. Os jardins públicos em Milão oferecem uma excelente vista da cidade no outono.

Dandenong Ranges, Austrália

Jardins do Memorial Alfred Nicholas nas cordilheiras Dandenong da Austrália © Tsvi Braverman

O outono australiano, embora as pessoas não associem a terra das praias, o surf e o calor do verão com as gloriosas cores do outono, não decepcionam com as cordilheiras Dandenong perto de Melbourne. Os Jardins Memorial Alfred Nicholas revelam tapetes de relvados com as folhas caídas e as árvores a brilhar com suas magníficas colorações.

Agawa Canyon, Canadá

Agawa Canyon, Ontário © Russ Heinl

A bordo do Agawa Canyon Tour Train no outono, é possível ver uma das mais belas folhagens desta estação. Este passeio começa em Sault Ste Marie e cobre cerca de 184 quilómetros de um país intocado. O auge das folhas acontece por um breve período entre o final de setembro e início de outubro, por isso têm de ser rápidos se quiser apreciar esta vista.

Artigo anteriorZoomarine permite pagamentos dentro do parque apenas com o uso de uma pulseira
Próximo artigoDiários de viagens: Roteiros improváveis de Itália

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui