Uma floresta no fundo do Mediterrâneo é a mais recente intervenção do escultor britânico Jason deCaires Taylor no mar. O novo Museu de Escultura Subaquática Ayia Napa, no Chipre, está destinado a atrair visitantes marinhos e humanos.

Este museu subaquático é composto por 93 esculturas localizadas em várias profundidades em Aiya Napa, uma área popular de praias azul-turquesa que estão entre as melhores do continente. A cerca de 200 metros da costa, o museu tem uma doca e duas plataformas flutuantes a partir das quais vai poder nadar ou mergulhar para explorar as árvores de Taylor.

O objetivo desta floresta subaquática é transformar uma área estéril do fundo do mar num lugar onde muitas espécies diferentes possam viver debaixo d’água.

Estas árvores foram projetadas para gerar um recife artificial em larga escala. Com o tempo, as esculturas vão tornar-se um lugar onde milhares de espécies vão poder habitar.

Os amantes de mergulho ou snorkeling, ou simplesmente os curiosos que queiram visitar esta atração de Chipre, vão ter que esperar para ver a vida marinha. No entanto a partir de agora já vão poder participar no espetáculo subaquático destas esculturas.

Artigo anteriorPegue na raquete e vá até ao Algarve: Este resort tem um programa para os adeptos de padel
Próximo artigoZoomarine permite pagamentos dentro do parque apenas com o uso de uma pulseira

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui