As viagens espaciais estão prestes a tornar-se mais seguras, mais confortáveis, e ainda mais emocionantes. A Space Perspective, uma das principais empresas de viagens espaciais de luxo, revela o design da Nave Espacial Neptuno. Uma cápsula esférica pressurizada – com vistas de 360 graus – que levará os viajantes ao espaço em 2024.

O desenho da cápsula Neptuno, que a Space Perspective revelou esta semana, será neutra em carbono e permitirá uma aterragem suave na água, de acordo com a empresa. A forma esférica, ideal para a resistência à pressão, traduzir-se-á em mais altura. A cápsula também inclui janelas com revestimento refletor para limitar o aumento de temperatura provocado pela exposição solar, que, de acordo com um comunicado, são semelhantes ao capacete de um astronauta.

A cápsula está patenteada e atualmente em produção perto do Centro de Operações da Space Perspective no Centro Espacial Kennedy da NASA, na Florida.

“O nosso ‘sistema de voo proprietário’ significa que a cápsula e o SpaceBalloon permanecem sempre ligados e as condições de descolagem e aterragem estão sempre sob o nosso controlo”, afirmou Taber MacCallum, o fundador, co-CEO, e chefe de tecnologia da Space Perspective. “A equipa reuniu-se para criar um sistema incrivelmente robusto, seguro e incrivelmente elegante e luxuoso para a Nave Espacial Neptuno. Simplicidade e automatização são as chaves para a segurança”, defendeu.

Os exploradores a bordo da Nave Neptuno, a voar comercialmente a partir do final de 2024, irão ascender em segurança até à borda do espaço na cápsula pressurizada, que possui um sistema de controlo térmico para manter temperaturas consistentes durante toda a viagem. A cápsula permite ter uma visão panorâmica de 360 graus, em que a curvatura da Terra e a escuridão do espaço são claramente visíveis.

Os viajantes que se aventurarem pelo espaço nestas cápsulas, com capacidade para 8 passageiros, experimentarão uma viagem de ida e volta de seis horas, incluindo uma descida de duas horas à Terra.

A empresa, que se autodenomina “a primeira empresa de luxo do mundo em experiência de voos espaciais”, venderá bilhetes para o espaço por $125.000 por passageiro (cerca de 122 mil euros). Os viajantes vão sentar-se em assentos reclináveis e navegarão a 20 milhas (32,18 km) acima da Terra. A cápsula terá até Wi-Fi para que os passageiros possam captar todos os detalhes da experiência e transportá-la de volta à Terra.

O turismo espacial tem vindo a ganhar força nos últimos anos com várias empresas – incluindo a Jeff Bezos’s Blue Origin e a Richard Branson’s Virgin Galactic – levando passageiros até ao espaço.

Artigo anteriorJardins da Mimi junta-se ao Amazónia com um terraço ao ar livre em Viseu
Próximo artigoThe Prime Energize propõe verão animado com música ao vivo, menu especial de ostras e fogo de artifício

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui