Com o teletrabalho a dar mostras de que veio para ficar, Paulo Palha e Joana Balaguer têm uma proposta que eleva esta tendência: a Krow. Idealizada em tempo de pandemia, esta iniciativa propõe um modelo de trabalho remoto, que abre as portas dos hotéis, para que estes se transformem em escritórios “por um dia”.

Krow, a cada dia um novo escritório

Krow – um anagrama da palavra “Work” – é uma iniciativa conjunta de Paulo Palha e da mulher, a atriz e empresária Joana Balaguer. O projeto surge num contexto de pandemia que, consequentemente, veio acelerar um conjunto de mudanças que já estavam em marcha.

O projeto funciona de forma muito simples. O utilizador acede à web app da Krow, subscreve um plano mensal e, a partir desse momento, pode trabalhar em qualquer uma das localizações Krow, bastando para isso fazer “check-in” ao chegar. O mesmo se aplica a equipas.

Renata Aron, especialista em Imagem Pessoal e Membro da Krow

Um dos principais traços distintivos é a possibilidade de trabalhar em locais diferentes todos os dias. “Costumamos dizer que não acordamos todos os dias da mesma forma e proporcionar a liberdade ao trabalhador de poder exercer a sua atividade com vista sobre a Serra de Sintra (por exemplo no Penha Longa Resort), a olhar para o Tejo a partir de um palácio (Vila Galé Collection Palácio dos Arcos) ou a partir de um lounge sofisticado na Avenida da Liberdade (Sofitel Lisbon Liberdade) é algo que é bastante valorizado”. Existe também o caso em que os profissionais precisam de visitar diferentes localidades e, nessas situações em que a flexibilidade é protagonista, “o conceito assenta que nem uma luva”.

Neste momento o projeto conta com 12 unidades hoteleiras na sua rede, mas Paulo Palha assume sentir um enorme interesse, por parte dos hotéis, pela proposta de valor do Krow.

Construção de uma comunidade

A principal queixa de quem trabalha remotamente em casa é o isolamento social. Nesse sentido, os fundadores acreditam que a criação de um “efeito comunidade”, em que os membros possam interagir entre si, podendo suportar-se mutuamente e até gerar novas oportunidades comerciais, é um fator importante.

Nesse sentido, “o membro Krow irá encontrar as nossas canecas amarelas espalhadas pelas diferentes localizações, sendo encorajado a cumprimentar (nem que seja com um simples “bom dia”) qualquer outro membro Krow que esteja na posse de uma destas canecas. Por vezes uma breve troca de palavras pode levar a cenários com consequências tão positivas quanto imprevistas”, expressa Paulo Palha.

Existem alguns exemplos de conceitos que revelam pontos de contacto com o da Krow, mas não necessariamente iguais. “Apostamos em criar “lifestyle offices”, uma filosofia que nos guia no sentido de entender o trabalho como uma parte integrante do estilo de vida de cada um e não a peça central em que tudo gira à sua volta. É uma mudança de paradigma que aposta na felicidade do indivíduo, o que por seu turno o tornará mais produtivo no também no trabalho”, esclarece o empresário.

Artigo anteriorSushiCorner tem uma nova carta inovadora e cheia de cor
Próximo artigoLisbon Marriott lança novas ofertas de verão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui