Douro41

Do interior ao litoral, o VOU SAIR elaborou uma lista de 10 passadiços imperdíveis em Portugal. Assim que possa desconfinar e o bom tempo permitir, faça um destes percursos. Mas primeiro tome nota dos hotéis onde pode ficar a poucos minutos de cada um dos passadiços.

Ribeira Collection Hotel, Passadiços de Sistelo, em Arcos de Valdevez

Começamos a norte, mais concretamente em Arcos de Valdevez, e a nossa sugestão é ficar no Ribeira Collection Hotel by Piamonte Hotels. Aberto em 2018, o Ribeira Collection Hotel tornou-se num ex-libris da vila de Arcos de Valdevez e um dos mais procurados refúgios a Norte do país. Este hotel de charme, com 37 quartos, situa-se junto ao rio Vez, e é um bom ponto de partida para conhecer uma das atrações do concelho, os Passadiços de Sistelo. Estes passadiços integram a Ecovia do Vez, que passa pela aldeia de Sistelo, conhecida pelo Tibete Português e eleita uma das 7 Maravilhas de Portugal em 2017. O hotel está a 15 minutos de carro do início do percurso na Ponte Medieval de Vilela.

Villa C, Passadiços de Vila do Conde

Do interior para o litoral, mas continuando a norte, sugerimos ficar no Villa C, um boutique hotel que se destaca pela sua arquitetura e design moderno. Está localizado nas margens do Rio Ave e a pouco mais de um quilómetro da Praia de Azurara, onde encontramos os passadiços de Vila do Conde que integram a Ecovia do Litoral Sul.
Sempre a acompanhar a linha de costa, a ecovia começa na Praia da Azurara, na margem sul de Vila do Conde, e atravessa Árvore, Mindelo e a sua reserva ornitológica, Vila Chã, e termina em Labruge. Trata-se de um percurso pedonal e ciclável que percorre toda a linha de costa do concelho a sul do Rio Ave. Tem uma extensão total de cerca de 8600 metros, dos quais 6000 correspondem a passadiços de madeira. O Villa C encontra-se a 15 minutos a pé dos passadiços de Vila do Conde.

Furadoudo Boutique Hotel, Passadiços de Esmoriz

Continuamos no litoral, no concelho de Ovar, onde encontramos junto à linha da frente de mar o Furadouro Boutique Hotel Beach & Spa, uma unidade com um ambiente descontraído e design contemporâneo, que caracteriza os hotéis de praia. Se escolher este hotel para uma escapadinha de fim-de-semana ou férias de verão, não deve deixar de visitar os Passadiços de Esmoriz que ligam a Barrinha de Esmoriz à Lagoa de Paramos. A requalificação da Barrinha de Esmoriz deu origem a um a este passadiço, com cerca de 6 quilómetros. Sempre com as dunas e o mar no horizonte, podem ser observados ao longo deste percurso mais de 100 espécies de aves que aqui nidificam, entre as quais a garça-vermelha. O Furadouro Boutique Hotel encontra-se a 20 minutos de carro dos Passadiços de Esmoriz.

Douro 41 Hotel & Spa, Passadiços Viver o Douro

É no concelho de Castelo de Paiva que está localizado o Douro41 Hotel & Spa, uma unidade de cinco estrelas concebida em perfeita harmonia com a paisagem envolvente, através do recurso a materiais como a pedra de xisto e vidro, e num formato de escarpa que se alonga quase até ao rio. O Douro41 localiza-se a meio do percurso Viver o Douro, um caminho linear que corre junto ao rio Douro e que inclui passadiços em madeira, trilhos de terra batida e pontes. Este percurso pedestre de 10,7 km liga a praia do Choupal das Concas (Pedorido) e o centro de Santa Maria de Sardoura, ao longo da margem sul do rio Douro. Neste percurso podem ser observados antigos moinhos e as aldeias de xisto de Gondarém e Midões. Pelo meio, encontram-se painéis informativos sobre a tradição vinhateira do Douro e miradouros em forma dos típicos barcos rabelos.

Meliã Ria Aveiro, Passadiços de Aveiro

Localizado junto ao Centro Cultural e de Congressos, o Meliã Ria Aveiro está “plantado” junto a um dos canais que cruzam a cidade e a poucos minutos do centro histórico, sendo um dos hotéis mais icónicos que aqui existem. Entre os muitos motivos de visita que a cidade oferece, encontra-se o passeio pelos Passadiços de Aveiro. Este percurso de 7,5 quilómetros inicia-se no Cais de São Roque, no centro da cidade, e prolonga-se até Vilarinho, junto ao rio Vouga, sendo que o passadiço de madeira apenas começa no Cais da Ribeira de Esgueira, e é a partir deste lugar que surge a paisagem caraterística das salinas e lodaçais. O início do percurso está a 5 minutos de carro do hotel ou, em alternativa, a 20 minutos a pé.

Hotel Rural da Freita, Passadiços do Paiva, em Arouca

Para visitar os passadiços mais conhecidos de Portugal sugerimos a estadia no Hotel Rural da Freita, localizado a poucos minutos dos Passadiços do Paiva. Com uma oferta de apenas 9 quartos, este alojamento rural oferece um ambiente acolhedor para que os visitantes se sintam em casa. Daqui, pode partir à descoberta dos Passadiços do Paiva, um percurso de 8 quilómetros ao longo de uma natureza praticamente intocável. Quem já fez este passeio percebe o porquê deste local ter inspirado a abertura de outros passadiços e de já ter vencido vários prémios turísticos, com destaque para os World Travel Awards, os óscares do turismo, vencendo nas categorias “Melhor Projeto de Desenvolvimento Turístico da Europa”, “Melhor Atração de Turismo de Aventura da Europa” e “Melhor Atração de Turismo de Aventura do Mundo”. O hotel fica a sensivelmente 30 minutos de carro do início dos passadiços (Areínho).

Hotel Santa Margarida, Passadiços do Orvalho, Oleiros

No interior de Portugal encontramos um dos passadiços mais recentes e com um percurso incrível pela natureza. Mas primeiro, o hotel. Para visitar os Passadiços do Orvalho sugerimos a estadia no Hotel Santa Margarida, na vila de Oleiros, no distrito de Castelo Branco. De linhas contemporâneas, esta unidade de 4 estrelas está situada na margem esquerda da Ribeira de Oleiros, um local de imensa beleza natural onde se pode apreciar todo o charme da região. É neste concelho que se encontram os Passadiços do Orvalho inseridos no Geopark Naturtejo e na Georota do Orvalho. Através deste percurso é possível observar algumas das paisagens mais bonitas da Beira Baixa, além do acesso a um conjunto de geomonumentos classificados pela UNESCO, como a Cascata da Fraga de Água d´Alta e o Cabeço do Mosqueiro. A Georota do Orvalho tem cerca de 9 quilómetros de extensão. Contudo, os passadiços só foram construídos em certos pontos do percurso, para tornar possível a passagem por zonas mais exigentes e, assim, permitir o acesso aos locais mais idílicos. Do hotel aos passadiços são aproximadamente 30 minutos de carro.

Palácio da Lousã, Passadiços da Ribeira das Quelhas, na Serra da Lousã

Localizado num edifício do século XVIII, classificado como Património Histórico de Interesse Público, o Palácio da Lousã é um boutique hotel de 4 estrelas com 46 quartos. A unidade combina o charme dos ambientes históricos com vistas pitorescas para a Serra da Lousã, sem faltar, claro, o máximo conforto a todos os que o visitam. Pode ser o ponto de partida para conhecer os recentes passadiços da Ribeira das Quelhas, localizados na margem direita da Ribeira das Quelhas, junto à aldeia do Coentral, em Castanheira de Pera. O percurso de aproximadamente 1,2 quilómetros faz-se por entre fragas de xisto e de granito, abrigo de espécies protegidas. O passeio proporciona a visita a várias quedas d’ água e pequenas lagoas. Do hotel Palácio da Lousã até aos passadiços são cerca de 50 minutos de carro.

Fortaleza do Guincho, Passadiços da Cresmina, no Guincho

Com uma localização invejável, debruçado sobre o Oceano Atlântico, a Fortaleza do Guincho é um hotel de charme de cinco estrelas localizado na bonita estrada do Guincho. Além da vista ímpar e da sua afamada gastronomia, o hotel é um bom ponto de partida para um passeio pelo parque Natural de Sintra-Cascais. A unidade encontra-se a 15 minutos a pé do Núcleo de Interpretação da Duna da Cresmina, a partir do qual pode percorrer 2,5 quilómetros de passadiços em madeira que permitem admirar de perto a beleza e a biodiversidade das dunas da Praia do Guincho

Pestana Passadiços de Alvor, Portimão

O descontraído hotel Pestana Alvor South Beach tem acesso direto à praia dos Três Irmãos, em Alvor, sendo uma escolha acertada para as férias de verão ou assim que o bom tempo espreita. Uma vez estando na praia dos Três Irmãos pode percorrer os Passadiços de Alvor que ligam esta praia à Ria de Alvor. Com 6 quilómetros de extensão, são um dos maiores passadiços que encontramos no Algarve. Este percurso é feito quase sempre na estrutura de madeira, existindo algumas partes em terra batida, ideal para caminhadas, passeios ou corridas e adaptado a carrinhos de bebé e a cadeiras de rodas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui