Obra Monstro Marinho no cais do Parque das Nações
A obra do Monstro Marinho contém cerca de 3000.000 garrafas descartáveis

Quem por estes dias passou no Parque das Nações já percebeu que há uma criatura a nascer nas águas do cais junto ao Oceanário de Lisboa. A escultura de um monstro marinho vai ser inaugurada no próximo dia 22 de março, Dia Mundial da Água.

Este monstro marinho, em forma de serpente, é uma obra de arte colaborativa desenvolvida pelos talentos da Skeleton Sea e dirigidos pelo diretor artístico Xandi Kreuzeder, simbolizando a ameaça que o plástico de utilização única representa para a humanidade e para o planeta. Esta é primeira iniciativa do Movimento PURIFY e tem o objetivo de chamar a atenção para o uso excessivo do plástico descartável e incentivar hábitos de consumo sustentáveis.

Com 50 metros, a escultura terá cerca de 12 toneladas de plástico reutilizado, cerca de 3000.000 garrafas descartáveis, recolhidas em 530 pontos espalhados por todo o país. Segunda a Junta de Freguesia do Parque das Nações, um dos parceiros da iniciativa, a obra estará neste local até 3 de janeiro de 2022.

A escultura do Monstro Marinho vai estar exposta até 3 de janeiro de 2022

Artigo anteriorVale a pena visitar a baixa do Porto para ver a montra dos Armazéns Marques Soares
Próximo artigoNo Vale do Lobo Resort há descontos para nómadas digitais até 31 de maio

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui