Localizado em Cascais, o Mâide é o mais recente projeto da parceria entre o chef Nuande Pekel e a empresária Madalena Sousa Coutinho, à frente também do Moa Sushi, espaço conhecido pelo peixe fresco e pela sua cozinha de fusão japonesa.

No Mâide a aposta é diferente. Este espaço apresenta-se como um restaurante all day food, onde se pode ir a qualquer hora do dia, seja para beber um cappuccino, ou provar um brunch com ovos Benedict, comer hambúrgueres ou experimentar sabores orientais como o Nasi Goreng (7,5€ de vegetais ou 8€ de frango), feito no wok com arroz, vegetais, ovo estrelado, rebentos e molho de soja, o Pad Thai de Camarão (9€), preparado com noodles de arroz com camarão, ovo, amendoins e rebentos de soja ou o Rendang (9€), que traz o caril seco de origem indonésia de novilho com arroz.

A panqueca Salty (5,5€) é servida com quatro tenros discos de massa artesanal intercalados com bacon, um ovo estrelado no topo e maple syrup. A esta opção juntam-se outros destaques da ementa como pratos da América do Sul ao Sudoeste asiático. Desde os pokes havaianos como o Mix (10€), que leva salmão, atum, manga, abacate, cebola crocante e sésamo sobre base de arroz de sushi; passando pelo Ceviche peruano de corvina no típico leche de tigre com chips de batata doce e laranja (8€). Na ementa há destaque ainda para os clássicos tacos mexicanos: de camarão (8,5€) ou atum (9€).

Com um ambiente leve e descontraído, onde predominam madeiras das mais clássicas às mais exóticas, palmeiras, bananeira e jiboias espalhadas pelo espaço, a inspiração da decoração do Mâide surgiu através das inúmeras viagens de Pekel pelo mundo, sempre à descoberta das melhores ondas para surfar.

Artigo anteriorTurkish Airlines tem uma campanha promocional com voos desde 169€
Próximo artigoRoyal Savoy na Madeira reabre a 30 de agosto com novos espaços

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui