Comboio Histórico do Douro
Comboio Histórico do Douro

A campanha de 2023 do Comboio Histórico do Douro arrancou no passado sábado, dia 8 de julho, com três viagens previstas por semana, podendo estender-se até um total de 55 viagens e terminar apenas em novembro, afirmou Pedro Moreira, presidente da CP, numa conferência de imprensa no Museu do Douro. Para já estão confirmadas 47 viagens.

“Vamos aumentar o número de viagens comparativamente aos anos anteriores. Em vez de dois serviços por semana, ao sábado e ao domingo, vamos passar a fazer três serviços regulares por semana nesta época de 2023”, referiu Pedro Moreira. Este ano, especificou, haverá também uma viagem à quarta-feira pela Linha Ferroviária do Douro.

O comboio percorre o Património Mundial da UNESCO, entre as estações do Peso da Régua (distrito de Vila Real) e a do Tua (distrito de Bragança), com paragem na vila do Pinhão (Alijó, distrito de Vila Real). A composição inclui a locomotiva a vapor, construída em 1925, e cinco carruagens de madeira, do início do século XX, com 254 lugares.

O presidente da CP – Comboios de Portugal afirmou também que a empresa está a reformular os serviços de turismo, especificando que, no caso da Linha do Douro, foi feita uma parceria com os municípios do Peso da Régua, Alijó e Carrazeda de Ansiães.

No âmbito desta parceria e para promover a região, a bordo do comboio serão oferecidos produtos como cálices de vinho do Porto ou moscatel de Favaios, bem como doces tradicionais.

No Pinhão, os turistas podem observar os painéis de azulejos da estação, que retratam a paisagem e a vida dos durienses, e o abastecimento de água à locomotiva quase centenária.

“Este ano quisemos oferecer três serviços exclusivamente para as regiões, em que as câmaras municipais, por sua vez, vão oferecer lugares a pessoas que vivem na região”, acrescentou Pedro Moreira.

Os bilhetes de ida e volta variam entre 25€ (crianças dos 4 aos 12 anos) e 49€ (adultos).

Artigo anteriorMarc Márquez será anfitrião na Airbnb para uma estadia na autocaravana da equipa durante o Grande Prémio da Catalunha de MotoGP
Próximo artigoFestival Andanças volta às margens do Alqueva com mais ritmo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui