Viajar é uma paixão de muitos, mas nem todos escolhem as férias apenas para ficarem esticados na areia ou à beira de uma piscina enquanto bebem um cocktail. É importante tirar uns dias de descanso do trabalho, até porque novos desafios vão surgir quando as férias acabarem e é preciso estar com as baterias carregadas para eles. Mas também há opções para quem queira ajudar crianças que precisam de estudar e não têm as melhores condições, populações que vivem a baixo do limiar da pobreza e até a natureza precisa da nossa mão.

Juntar os dias de descanso a dia de voluntariado que podem fazer a diferença no mundo é cada vez mais uma tendência, por isso a Momondo selecionou oito destinos ideais para viajar enquanto ajuda a fazer a diferença na vida de alguém.

Tailândia

A Tailândia remete-nos imediatamente para paisagens paradisíacas, praias de águas cristalinas e dias de descanso à beira mar. É verdade que este país pode ser tudo isto, mas também pode usar as suas férias para participar em projetos de voluntariado na área da educação infantil ou na prestação de cuidados aos mais idosos.

Nepal

Muito visitado pelos amantes de escala que tentam superar o grande desafio de subir ao cume do Monte Evereste, é em Katmandu, a capital do Nepal, que mais projetos de voluntariado têm lugar. As crianças mais desfavorecidas são as grandes beneficiadas, mas se optar por seguir em direção ao interior do país, pode ajudar na lide diária das zonas mais rurais com os animais.

Nova Zelândia

É um dos destinos mais acolhedores e mais distantes de todos. Por aqui a experiência será sempre enriquecedora, estando os projetos de voluntariado ligados fundamentalmente ao meio ambiente. É na Nova Zelândia que as preocupações ambientais ganham uma dimensão prioritária, podendo os participantes entrar num verdadeiro espírito “eco-friendly”.

Vietname

A gastronomia é um dos pontes fortes do Vietname. Também a sua história é de enorme relevância para quem quer conhecer todos os cantos do mundo. Enquanto entra na cultura asiática, pode ainda participar em projetos de voluntariado onde as crianças estão no centro de todas as preocupações, sendo muito necessárias pessoas com capacidade para lhes ensinar inglês. O apoio à distribuição de alimentos é mais uma das áreas para as quais mais um par de mãos fazem toda a falta.

Gana

O Gana é um dos países mais subdesenvolvidos do mundo. Há falta de infraestruturas básicas como hospitais e escolas. E é precisamente na área da saúde que são precisos mais voluntários. É um país pobre em dinheiro, mas os sorrisos não faltam, sendo a simpatia do povo a melhor moeda de troca pelo apoio prestado por quem chega para ajudar.

Sri Lanka

O Sri Lanka é um dos países mais completos do mundo. É possível ir desde a praia paradisíaca à montanha em poucos quilómetros, divergindo depois para cidades cosmopolitas. É também um dos que mais património classificado pela UNESCO tem por metro quadrado. O atrativos para o lazer estão encontrados, no que diz respeito ao voluntariado, é na educação e preservação ambiental que estão todas as necessidades deste povo asiático.

Índia

Este é um daqueles destinos que não precisa de grandes apresentações, uma vez que está na lista de desejos da maioria dos viajantes. É também um dos mais pobres, precisando ajuda essencial em programas que desenvolvam atividades para ajudar as populações a estudar ou em tarefas diárias diretamente ligadas com as comunidades locais.

África do Sul

É um dos países onde existem mais fossos e eles são particularmente evidentes quando se comparam as duas principais cidades, Joanesburgo e a Cidade do Cabo, com as zonas mais pobres. Às populações a ajuda é fundamental no apoio à educação de crianças hospitalizadas e também a vida selvagem precisa de uma mão. Fazer um safari, estar em contacto com os animais mais incríveis do mundo e ainda poder ajuda, eis um programa de férias perfeito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui