Os parques de diversão europeus competem em criatividade e investimento para oferecer atrações cada vez mais altas, rápidas e imersivas. O jornal francês L’Echo Touristique fez uma lista de 10 atrações impressionantes, em diferentes parques de diversão, espalhados pela Europa:

Red Force – PortAventura World, Espanha

Fonte: PortAventura World

Inaugurado em 2017 na Ferrari Land, um dos parques temáticos do complexo PortAventura World, o Red Force , detém três recordes europeus: a montanha-russa mais alta (112 metros), a mais rápida (180 km/h) e a de maior queda (105 metros).

Fly – Phantasialand, Alemanha

Fonte: Phantasialand

Fly não é apenas uma atração, mas toda uma área do parque alemão Phantasialand. Aqui pode encontrar a montanha-russa “voadora” mais longa do mundo, o que significa que os passageiros ficam deitados durante a atração, sobrevoando por lojas, restaurantes e até o hotel Charles Lindbergh, construído para a ocasião.

Oz’Iris – Parc Astérix, França

Fonte: Hervé Cussot/Parc Astérix

A Compagnie des Alpes não economizou recursos e investiu 20 milhões de euros para construir o Oz’Iris e a área egípcia que o circunda. O resultado é impressionante, uma montanha-russa que faz os seus passageiros ficarem de pernas para o ar, enquanto passam entre palmeiras e templos egípcios.

Arthur – Europa Park, Alemanha

Fonte: Europa Park

As atrações mais bonitas não são apenas para os mais aventureiros. A prova é a atração Arthur, no Europa Park, que reduz os seus passageiros ao tamanho de insetos para mergulhá-los no universo de Arthur e os Minimeus. Inspirada nos livros e filmes de Luc Besson, a atração mistura cenários reais, efeitos especiais interativos, passagens internas e externas.

Ride to Happiness – Plopsaland de Panne, Bélgica

Fonte: Plopsaland de Panne

Nesta montanha-russa pode sentir sensações inesgotáveis. Os vagões giram em torno de seu eixo, o que proporciona aos passageiros uma experiência diferente a cada curva. O parque belga Plopsaland, em Panne, uniu forças com o festival belga de música eletrónica Tomorrowland para criar a montanha russa “ride to happiness”.

The Smiler – Alton Towers, Reino Unido

Fonte: Alton Towers

Com sede em Alton Towers, no centro do Reino Unido, “The Smiler” oferece nada menos que 14 inversões. Uma experiência reservada aos aficionados de sensações fortes.

Space Mountain – Disneyland Paris, França

Fonte: Disneyland Paris

Mais de 25 anos após a sua construção, em 1995, o Space Mountain continua a ser essencial nesta lista. O facto do percurso ser fechado e devido à utilização de efeitos visuais e sonoros, dá ao visitante uma experiência mais imersiva.

Highlander – Hansa Park, Alemanha

Fonte: Hansa Park

Uma queda livre de 103 metros é o que oferece a Highlander, uma atração no Hansa Park, na Alemanha, inaugurado em 2019 e o mais alto do gênero no velho continente. Um recorde anteriormente detido pelo Donjon de l’Extrême, uma atração no parque Nigloland, em França, com 100 metros de altura.

Shambala – PortAventura World, Espanha

Fonte: PortAventura World

Com 76 metros de altura, a atração Shambala permite que o PortAventura World apareça pela segunda vez neste ranking. Esta montanha-russa leva os seus visitantes aos picos do Himalaia e atravessa picos rochosos, lagos azul-turquesa e templos budistas no seu caminho.

Kondaa – Walibi Bélgica, Bélgica

Fonte: Walibi Bélgica

No coração da Bélgica, o ovo de uma criatura gigantesca foi roubado e acabou de eclodir. Esta é a história contada pelo Kondaa, a nova atração do Walibi Belgium, outro parque operado pela Compagnie des Alpes.

Artigo anteriorHotéis Solverde promovem estadias longas com descontos para explorar Portugal
Próximo artigoCEO da Airbnb, Brian Chesky, vai viver a tempo inteiro em propriedades da Airbnb

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui