O outono é uma das épocas favoritas dos portugueses para escapadinhas de curta duração. Um feriado ou até com um ou dois dias de férias é possível aliar a possibilidade das viagens de curta duração dentro da Europa – ou dentro do próprio país – aos preços baixos da época menos procurada pelos turistas.

Para facilitar as escolhas de quem gosta mesmo de viajar nesta época do ano, a Indie Campers acaba de lançar seis sugestões onde é possível ver as cores do verão a darem lugares às cores do outono, descobrindo assim uma faceta diferente de algumas cidades como Paris, Amesterdão ou Hamburgo.

Estrada Nacional 2, Portugal

A Estrada Nacional 2 tornou-se num dos pilares das rotas turísticas pelo interior do país e esta paixão pela estrada que rasga o país ao meio só peca por tardia. É de facto uma das montras do que de melhor existe por cá.

Publicidade

Também para começar a olhar para as primeiras cores do outono este é um bom intinerário. Desde logo no ponto de partida, na cidade de Chaves, pode-se visitar o Jardim do Tabolado, com as suas alamedas arborizadas, perfeito para um passeio nas primeiras tardes de outono. Continuando o caminho até à Sertã as margens do Rio Zêzere são paragem obrigatória. A viagem termina a sul, passando pelas planícies do Alentejo e chegando depois a Faro onde numa tarde de um verão de São Martinho se pode fazer um passeio pelas praias e ilhas da região.

Parque Natural Montseny, Espanha

Aqui bem ao lado, na vizinha Espanha, a sugestão dos Indie Campers passa por uma visita ao Parque Natural Montseny, localizado a escassos 50 km de Barcelona. Classificado como Reserva da Biosfera pela UNESCO, as cores verdes, laranjas, avermelhadas e douradas das paisagens são um dos melhores cenários para uma longa caminhada com algumas paragens para fotografar todos os recantos.

Jardins de Paris, França

Paris é a cidade da luz e do amor, mas também é a cidade dos jardins. Não é possível enumerá-los a todos, mas no Jardin des Tuileries, o maior e mais antigo da cidade, a Floresta de Boulogne, que pode ser visitada de barco, ou o Parque Belleville, o jardim mais alto para desfrutar de uma vista única, é possível pareciar um lado mais tranquilo da capital francesa.

Amesterdão, Holanda

É de bicicleta que muitos holandeses fazem a sua rotina diária, confiando nas duas rodas as deslocações que precisam de fazer. É um excelente meio de transporte, mesmo no outono, e é ideal para conhecer a rota dos moinhos, o Parque Nacional De Hoge Veluwe, onde se encontra o Museu Kröller-Müller, que abriga a segunda coleção mais importante do famoso pintor Vicent van Gogh, ou o Parque Vondelpark, um lugar perfeito para passear em família, com os seus parques infantis e teatro ao ar livre.

Lago de Como, Itália

Em Itália, bem perto de Milão, na região da Lombardia, é nos reflexos do Lago de Como que é possível encontrar os reflexos da nova estação que acaba de chegar. Ao longo de mais de 140 quilómetros quadrados, inúmeras pequenas cidades ocupam as margens do lago, como Bellagio, que se destaca pelos tons pastel que contrastam especialmente nesta altura com as cores de outono.

Hamburgo, Alemanha

A cidade alemã de Hamburgo é a última sugestão dos Indie Campers para entrar com o pé direito no outono. O amarelo, castanho e vermelho inundam a cidade e são bem evidentes no cemitério de Ohlsdorf, um dos maiores do mundo. Tão grande que tem duas linhas de autocarros que no seu interior com quase 400 hectares. Se um cemitério não lhe parece um plano ideal, saiba que neste são feitas apresentações artísticas com espetáculos, peças de teatro e sessões de cinema. Na cidade de Hamburgo o Jardim Botânico também não pode estar fora da lista dos que querem conhecer as cores de outono alemãs.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui