O Hotel Rural Quinta do Marco procura proporcionar aos seus clientes experiências relacionadas com as atividades agrícolas e rurais. No início desta semana, turistas nacionais e estrangeiros foram convidados a experienciar “um verdadeiro dia no campo”, com os agricultores, na apanha de alfarroba.

A experiência começou durante a manhã, com uma explicação sobre a importância da alfarroba e as possíveis utilizações deste fruto que, de momento, é o verdadeiro “ouro negro do Algarve”. De seguida, os muitos clientes que aderiram à experiência iniciaram os trabalhos. Começaram pela operação de varejar (deitar os frutos abaixo na árvore) efetuada por miúdos e graúdos, enquanto outros iniciaram a apanha, sendo que o fruto é recolhido em “alcofas” (recipiente feito em empreita de palma algarvia) e, posteriormente, acondicionado em sacas com cerca de 30 a 40 kg cada.

Durante a atividade, foi dado a provar aos clientes produtos à base de alfarroba, nomeadamente Bolo Caseiro de Alfarroba, Sandes em Pão de Alfarroba e bolas de Berlim de Alfarroba, com diversos recheios.

O almoço foi um momento de confraternização entre turistas e agricultores, em que a ementa, tipicamente regional, incluiu petingas fritas com arjamolho (salada típica do interior algarvio) e um cozido de grão. Na sobremesa, a novidade foi a degustação de gelado de alfarroba, que foi especialmente do agrado dos mais novos. O café foi acompanhado por um copo de aguardente de medronho.

Desta forma, os clientes do Hotel Quinta do Marco enriqueceram os seus conhecimentos e comprovaram, na primeira pessoa, que o Algarve não é só o sol e praia e que existem outras experiências prontas a serem experienciadas, durante as férias, naquela que é a principal região turística do país.

Artigo anteriorQuiosque Beca Beca promete aquecer o final de verão na cidade de Lisboa
Próximo artigoTerceiro jantar temático “Oh My Chefs!” tem como inspiração o mar e a serra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui