Fica no número 61 da Rua Alexandre Herculano, junto ao Rato, em Lisboa, e completa este mês de abril um ano desde a sua abertura. Isso mesmo. Leu bem. O Bômau abriu em plena pandemia tendo logo de se adaptar a um regime de take away e entregas.

Em maio de 2020, com o fim do confinamento, os lisboetas puderam descobrir a oferta diferenciada do Bômau assente em influências e inspirações que chegam de várias partes do mundo. Sliders (mini-hambúrgueres), wraps, skewers (espetadas grelhadas) e saladas, além de uma multiplicidade de entradas muito criativas, compõem a carta do Bômau. Simples, mas de sabores complexos. E os cocktails e soft drinks também ocupam um lugar de destaque.

Os sliders (mini hamburgers). Pode pedir um por 5€, dois por 9€ ou três por 12€

É preciso dizer que aqui tudo é feito “em casa”, desde a moagem dos grãos das inúmeras especiarias, aos molhos, passando pelo pão e wraps habilmente manuseados por Yaser Balaoot, o padeiro sírio. Os ingredientes são todos frescos, e em muitos casos biológicos. Não há alimentos processados, e as práticas e técnicas que utilizam são sustentáveis, minimizando o desperdício. Os alimentos são adquiridos localmente, com a preocupação de reduzir a pegada ecológica.

Veggie Friters, a entrada do Bômau de vegetais sazonais com molho de hortelã e tamarindo

Depois de 25 anos a viver na Califórnia, o casal de arquitetos Kanan e Vijay Jayachandran, proprietários do Bômau, encontraram em Lisboa o destino ideal para realizarem o sonho de abrir um restaurante que reunisse no mesmo espaço os sabores que mais gostam e que cozinham em casa. A eles juntaram-se Ida Rosendal, dinamarquesa de nascença – mas cada vez mais portuguesa de coração -, também ela uma ‘foodie’ de mão cheia e com experiência na área de gestão, Rita Romão, já com andanças no universo da gastronomia, e Leonor Freitas, que até aqui se dedicou à área social, e que tem o seu foco no serviço ao cliente. Resultado? Um espaço multicultural influenciado pelas origens da equipa – Índia, Dinamarca, Síria e Portugal.

Do caril ao fried chicken, da mandioca aos black beans, da erva-príncipe aos peixinhos da horta, a escolha é variada, e os vegetais estão muito presentes, havendo diversas opções para vegetarianos. Com grande influência asiática, os picantes naturais são uma referência. Nas bebidas, o gin e os cocktails marcam forte presença, mas as limonadas, chás e sumos caseiros são sem dúvida uma ótima companhia para uma refeição cheia de sabores autênticos.

Slider Mushroom Chipotle – mini hambúrguer com cogumelo ostra , repolho branco, cebolas maceradas e coentro

Recentemente o restaurante Bômau reabriu a sua esplanada de 24 lugares, no interior encontramos seis lugares. Mas o bom convida é estar na esplanada. A juntar às diversas culturas gastronómicas que caracterizam o Bômau, chegam agora novas inspirações da Ásia e América: o slider Mushroom Chipotle e a Salada Primavera. E para refrescar os dias que já começam a aquecer, o Gin Sour de Tomilho e Limão é o cocktail da estação.

Artigo anteriorStay Hotels oferece vantagens exclusivas a parceiros
Próximo artigoViajar até ao Oriente através da plataforma Google Arts & Culture

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor coloque aqui o seu comentário
Por favor coloque o seu nome aqui